22 de fev de 2014

O Brasil dos brasileiros, o Brasil dos estrangeiros e o que você não vê - ainda

''Estamos autorizados pelas forças maiores para alertarmos os homens que o século que passa é o da mente e da educação da mesma. Não estamos falando em vão, é o momento de mudanças morais, principalmente para os brasileiros, que não devem se preocupar em copiar as extravagâncias de outros povos que ostentam a bandeira da ciência, sem que o amor, do modo que o Cristo nos ensinou, acompanhe esse trajeto da verdade. A ciência, sem a fraternidade no coração, é fria. O Brasil está em preparativos finais para derramar a luz no mundo inteiro, fenômeno em que as mãos do Cristo deverão operar para as devidas separações, onde a justiça falará pela lei da afinidade dos corações em paz, daqueles que ainda procuram a discórdia. 


Os homens devem indagar de si mesmos o que fazer, se já não estão fazendo o melhor com Jesus. Estamos prontos para ajudar aqueles que derem os primeiros passos na senda do amor e da verdade, para nos unirmos pela mesma lei, que nos assiste a todos.''

A citação acima é do livro ''Horizontes da Vida'', do espírito Miramez, através do médium João Nunes Maia. O que a mensagem quer transmitir intrinsecamente é a mudança individual e única que Cristo nos convida, a educação da mente e da moral.


Isso tudo sem que padrões desnecessários de outros povos, tidos como superiores e mais avançados em uma visão unilateral e materialista, interfiram. 

Estamos em época de transição, de mudanças e despertar. O Brasil é um dos principais campos para tal, cabendo influenciar o globo inteiro, sem que isso dê a ele privilégios ou tire o papel a ser desempenhado por outras nações. 

É necessário perder a visão vitimizada e depreciada do Brasil e do povo brasileiro. Não adianta reclamarmos da corrupção, seja ela civil ou política, da precariedade das coisas. Se reclamar adiantasse, estaríamos mais desenvolvidos que a Noruega. Qualquer um consegue apenas apontar o que há de errado e ruim em algo. Tentar mudar isso que foi observado, contudo, é a diferença real.

Muitos espíritos encarnaram com o objetivo de ajudar as pessoas a expandirem suas consciências. Fazendo isso, expandindo-nos, ajudamos inúmeras outras, pois o exemplo é sempre uma lição bem-vinda.

Por ser um celeiro à pátria do Evangelho, a nossa nação derramará luz no mundo inteiro, como afirma o espírito Miramez. O trabalho tem resultado coletivo, de proporção quase continental como o próprio Brasil, mas é de individualidades que se forma e constitui força.

Em meio a tudo isso, os problemas inevitáveis de uma transição continuarão ocorrendo. A banalização do sexo, os descasos e a falta de estrutura em famílias e círculos sociais continuarão sendo prova difícil deste nosso vestibular da vida. 

A você e a todos nós é dado a chance de escolhermos o caminho a seguir. Lembre-se que cada voz ativa que se sobressai sobre a dormência e ignorância consciencial é uma mão que que acorda e esclarece.

Muitos veem apenas problemas no Brasil. Problemas que existem em outros países, problemas que representam muito mais do que se pode imaginar a um primeiro olhar. A realidade depende da consciência. Por isso, uns enxergam exclusivamente o caos, a desordem e a degradação total iminente. Outros, porém, têm capacidade para se dar conta daquilo que não passa no Jornal Nacional.

Renove-se. Ajude-se. Cuide-se. Desta forma, terá condições de auxiliar irmãos necessitados de um amparo, já que ''quando o servidor está pronto, o trabalho aparece''. O Brasil precisa de você. Jesus agradece.




Nenhum comentário:

Postar um comentário