9 de nov de 2013

O culto à beleza física

O que é bom é belo, como diria Platão. Atualmente, vemos um mundo material extremamente ilusório. Felicidade ilusória (risória se você for sarcástico), convenções sociais mesquinhas. O culto da beleza é uma delas. Você sabia que seu perispírito, que reflete o espírito, a mente, ao evoluir aperfeiçoa também a forma? Entretanto, cuidar excessivamente do seu corpo físico, que apodrecerá cedo ou tarde, corroído pelos vermes, não adianta nada. O seu eu imortal e imperecível não fica bonito de fora pra dentro, é exatamente o contrário. 

Não estou me opondo ao cuidado do corpo físico. Nem Jesus nunca disse isso. Refiro-me àquela importância demasiada e centralizada que as pessoas dão ao corpo. No mundo espiritual ninguém esconde nada, você se mostra como é, sem ocultar a sombra da sua mente. Aqui temos a oportunidade do contrário. Talvez seja por isso o zelo primordial pelo corpo ''impecável'' aos padrões universais de beleza.

A beleza é a harmonia universal, a natureza, a sua consciência. É ver o conjunto em que estamos inseridos e seus detalhes. Quando você amplia sua mente, seus conceitos sofrem o mesmo efeito. 

Não se prenda a conceitos passageiros quando você tem a eternidade pela frente. Você é muito mais que um corpo bonito, você é filho de Deus, trabalhador da Seara do Mestre. Lembre-se disso sempre!

Nenhum comentário:

Postar um comentário